No início da década de 1970 Nelson Angelo, um dos membros do Clube da Esquina, se juntou à parceira Joyce para gravar treze músicas acompanhados de diversos artistas consagrados. A obra “Nelson Angelo e Joyce” tornou-se um ícone da música setentista brasileira e volta às lojas num lançamento da Polysom em parceria com a Universal. A novidade chega em disco de 180 gramas pela coleção “Clássicos em Vinil”.
Dentre os destaques do disco, há pérolas como “Comunhão” (Nelson Angelo), “Sete Cachorros” (Nelson Angelo) e “Um Gosto de Fruta” (Nelson Angelo). Além disso, o registro conta com composições de outros eminentes do Clube, como Ronaldo Bastos e Márcio Borges. Joyce também escreve, ao lado de Bastos, “Meus Vinte Anos”, enquanto “Vivo ou Morto” tem autoria de Danilo Caymmi e José Carlos Pádua. Rico em seus arranjos e com influências de diversos gêneros da sua época, o álbum possui participação de Lô Borges e Toninho Horta nos violões, Beto Guedes nos vocais e Wagner Tiso no cravo e órgão, entre outros músicos. Um riquíssimo registro que reúne a atuação conjunta de alguns dos maiores nomes da MPB capitaneados por Joyce e Angelo.

Estado da Capa: N/L
Estado do Disco: N/L

Nelson Angelo e Joyce - 1972 (2019/Lacrado/180g)

Esgotado
Nelson Angelo e Joyce - 1972 (2019/Lacrado/180g)

No início da década de 1970 Nelson Angelo, um dos membros do Clube da Esquina, se juntou à parceira Joyce para gravar treze músicas acompanhados de diversos artistas consagrados. A obra “Nelson Angelo e Joyce” tornou-se um ícone da música setentista brasileira e volta às lojas num lançamento da Polysom em parceria com a Universal. A novidade chega em disco de 180 gramas pela coleção “Clássicos em Vinil”.
Dentre os destaques do disco, há pérolas como “Comunhão” (Nelson Angelo), “Sete Cachorros” (Nelson Angelo) e “Um Gosto de Fruta” (Nelson Angelo). Além disso, o registro conta com composições de outros eminentes do Clube, como Ronaldo Bastos e Márcio Borges. Joyce também escreve, ao lado de Bastos, “Meus Vinte Anos”, enquanto “Vivo ou Morto” tem autoria de Danilo Caymmi e José Carlos Pádua. Rico em seus arranjos e com influências de diversos gêneros da sua época, o álbum possui participação de Lô Borges e Toninho Horta nos violões, Beto Guedes nos vocais e Wagner Tiso no cravo e órgão, entre outros músicos. Um riquíssimo registro que reúne a atuação conjunta de alguns dos maiores nomes da MPB capitaneados por Joyce e Angelo.

Estado da Capa: N/L
Estado do Disco: N/L